sábado, 28 de agosto de 2010

vazio

"O único silêncio que perturba é aquele que fala. E fala alto.
É quando ninguém bate à nossa porta, não há emails na caixa de entrada, não há recados na secretária eletrônica
e mesmo assim, você entende a mensagem"

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

jurídicamente falando

"Ora, a amizade significa a dedicação de um ser humano a outro, sem qualquer interesse, com sentido de permanência, de perenidade. A amizade não é relação fortuita, nem ligação ocasional; constitui-se, ao contrário, como laço permanente de dedicação..."

(REALE, Miguel. Lições Preliminares de Direito)

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Bilhete

"Se tu me amas, ama-me baixinho
Não o grites de cima dos telhados
Deixa em paz os passarinhos
Deixa em paz a mim!
Se me queres,
enfim,
tem de ser bem devagarinho, Amada,
que a vida é breve, e o amor mais breve ainda..."

terça-feira, 24 de agosto de 2010

verdades


"Chorar não resolve, aprender a se colocar em primeiro lugar não é egoísmo, e o que não mata com certeza fortalece. Às vezes mudar é preciso, nem tudo vai ser como você quer, a vida continua. Para qualquer escolha se segue alguma conseqüência... Vontades efêmeras não valem a pena, quem faz uma vez não faz duas necessariamente, mas quem faz dez, com certeza faz onze. Perdoar é nobre, esquecer é quase impossível. Nem todo mundo é tão legal assim, e de perto ninguém é normal. Quem te merece, não te faz chorar, quem gosta cuida, o que está no passado tem motivos para não fazer parte do seu presente, não é preciso perder pra aprender a dar valor e os amigos ainda se contam nos dedos. Aos poucos você percebe o que vale a pena, o que se deve guardar pro resto da vida, e o que nunca deveria ter entrado nela. Não tem como esconder a verdade, nem tem como enterrar o passado, o tempo sempre vai ser o melhor remédio, mas seus resultados nem sempre são imediatos. Não fique preocupado, você nunca sabe quem está se apaixonando pelo seu sorriso."

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

onde as coisas fossem diferentes

"Como se seu estado natural fosse constantemente esse, quase sorrindo, olhando para outro lugar que não era aqui. Onde as coisas fossem diferentes, boas de serem vividas."

domingo, 22 de agosto de 2010

palavras são flechas

"Cuidado... ao dizer alguma coisa, cuide para que suas palavras não sejam piores que o seu silêncio."

(Desconhecido)

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

obsessão

"O quão sagrado é abrir mão de evoluir só porque andar pra trás é poder cruzar com você de novo."

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

não importa

"Não importa o quanto às vezes seja difícil, o quanto às vezes
eu me atrapalhe, o quanto às vezes eu seja a densa nuvem que
esconde o meu próprio sol, quantas vezes seja preciso recomeçar:
combinei comigo não desistir de mim."


nada impede

"O amor é esperto: ele sempre acha um jeito de chegar até o lugar onde mora o objeto amado. Pois não foi isso que fez a Rapunzel? Ela, presa na torre. O seu amor, lá em baixo, longe... Aí o seu desejo do abraço fez seus cabelos crescerem, crescerem muito, até chegar ao chão. E os seus cabelos se transformaram, então, numa escada pela qual o seu Príncipe subiu até ela."

missing you

"Às vezes sinto falta de mim.
-Eu também, menina.
-Sente falta de si?
-Não, de você. E dói."

ironia

"P.S.: - Você sabia que, em tcheco, amor é laska? Não é perfeito?"

fato

"Não sentia mais sua ausência porque eu também era ausência."

quero

"Eu quero mesmo é alguém me faça mudar completamente de opinião.
Que faça meu corpo querer companhia nos momentos em que minha mente insiste pela solidão."

ingênua

"E aquelas pessoas que andavam ao meu redor hoje escolheram uma menina
Que por enquanto acredita em tudo que eles dizem, é a mesma história toda vida
O que eu sei eu sei que ela só vai descobrir quando ela sair de moda
Um tropeço ensina mais do que o sucesso"

sábado, 14 de agosto de 2010

desistir

"Nada em mim foi covarde, nem mesmo as desistências:
desistir, ainda que não pareça, foi meu grande gesto de coragem."

é esse!

"É vontade de sentir aquela coisinha misteriosa de 'é esse!'. Como será sentir isso? Eu sempre sinto que pode ser esse, ou talvez com algumas mudancinhas possa ser esse ou talvez se ele quisesse, poderia ser esse... Não, isso tá errado. Quero sentir que 'é esse'."

faz de conta

"- Não quero saber, não. Estamos de mal pra toda a vida (…)
- Olha, faz de conta que a toda a vida já passou, tá?"

não sentem


"Falam de tudo. Da moral, do comportamento, dos sentimentos, das reações, dos medos, das imperfeições, dos erros, das criancices, ranzinzisses, chatices, mesmices, grandezas, feitos, espantos. Sobretudo falam do comportamento e falam porque supõem saber. Mas não sabem, porque jamais foram capazes de sentir como o outro sente. Se sentissem não falariam."

chega!

"Cadê a tampa da minha panela, o chinelo do meu pé cansado, a metade da minha laranja?
Tá em ebulição, vazando, transbordando, e nada da tampa da panela pra socorrer a lambança. É culpa da pressão que eu ponho em tudo isso? É o que dizem: desencana que uma hora ele aparece.
O pé cansado já tentou calçar (à força) do chinelão que descola as tiras ao sapatinho de cristal. Nenhum serviu e o coitado tá todo esfolado.
Ninguém pra descascar, chupar ou fazer uma laranjada. Em compensação, laranjas na minha vida não faltam. E chega! Há anos peço o príncipe e só me mandam o cavalo."

tomara

"Tomara que a gente não desista de ser quem é por nada nem ninguém deste mundo.
Que a gente reconheça o poder do outro sem esquecer do nosso. Que as mentiras alheias não confundam as nossas verdades, (...)
Que friagem nenhuma seja capaz de encabular o nosso calor mais bonito.
Que, mesmo quando estivermos doendo, não percamos de vista nem de sonho a ideia da alegria."


espera

"Não precisa correr tanto, o que é seu às mãos lhe há de vir..."

a bailarina e o soldado de chumbo

"Vai dizer que nossas preces não alcançaram o céu?
Coração, que ainda vem me perguntar o que aconteceu
Conta se seu rosto por acaso ainda tem o gosto meu"

A bailarina e o soldado de chumbo - O Teatro Mágico

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

calma


"Às vezes é preciso diminuir a barulheira, parar de fazer perguntas, parar de imaginar respostas, aquietar um pouco a vida para simplesmente deixar o coração nos contar o que sabe.
E ele conta. Com a calma e a clareza que tem."

só sentir

"Já não falei pra você que intelectualismo não é comigo, Baby?
Abaixo a razão e o pensamento!
O negócio é só sentir, meu irmão, só sentir.
Pensar já era. Pensar acabou, não se usa mais."

engano

"Ilusão: um lugar de areia movediça pra alma onde a gente pisa jurando que é jardim."

destino

"Há pessoas que nascem para ser sós a vida inteira. Eu, por exemplo."

ilusões

"Cuidado com as ilusões, mocinha, profundas e enganosas feito o mar..."

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

incompreensível

"Tenho uma parte que acredita em finais felizes, em beijo antes dos créditos, enquanto outra acha que só se ama errado. Tenho uma metade que mente, trai, engana. Outra que só conhece a verdade. Uma parte que precisa de calor, carinho, pés com pés. Outra que sobrevive sozinha, metade auto-suficiente."

sem verdade


"E então, ela costurou as suas asas quebradas, respirou fundo, fechou os olhos e se jogou... Ela estava numa altura absurda, mas não recuou em nenhum momento — ela já tinha adiado isso fazia tempo — e nem teve medo do que encontraria pela frente em seu caminho, um caminho sem promessas, dali em diante, mas com suavidade espalhada por todos os cantos. Ela só queria viver uma realidade tão bela quanto os seus mais doces sonhos. Não, ela não era nenhuma boba alienada, muito menos hipócrita, tinha os pés no chão, a cabeça dela é que voava muito... Era uma sonhadora!"

sem dúvida


"...e foi assim. desde a hora que abriu os olhos. Teve certeza: hoje, seria um dia mágico."

nem dono


"Guardo meu coração para depois, ainda não sei o que fazer com a parte que era tua."

notícias


"No palco, na praça, no circo, num banco de jardim, correndo no escuro, pichado no muro... você vai saber de mim."

sábado, 7 de agosto de 2010

contramão

'''Porque você é exatamente o que eu quero,
eu sou exatamente o que você quer,
mas as nossas exatidões não funcionam numa conta de mais."

falta coragem

"Sei todos os ângulos de ir, mas vivo no lugar de quem fica."

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

como antes


"... como se tivesse retomado a um anterior estado de pureza depois de muitas marcas."

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

recado


"Não gosto de café morno, de conversa mole, nem de noite sem estrela. Sou bem mais feliz que triste, mas às vezes fico distante. E me perco em mim como se não houvesse começo nem fim nessa coisa de pensar e achar explicação pra vida. Explicação mesmo, eu sei: não há. E me agarro no meu sentir porque, no fundo, só meu coração sabe. E esse mesmo coração que me guia e não quer grades nem cobranças, às vezes me deixa sem rumo, com uma interrogação bem no meio da frase: O que eu quero mesmo?
Por isso, eu te peço (de um jeito meio sem-vergonha, que é assim que eu costumo ser): se eu gostar de você, tenha a gentileza de não me deixar tão solta. Não me pergunte aonde vou, mas me peça pra voltar. Sou fácil de ler, mas não tente descobrir porque o mesmo refrão insiste em tocar tanto. Se eu gostar de você, tenha a delicadeza de também gostar de mim. E me deixe ser, assim, exatamente como eu sou."

inesperado




"O que não é planejado emociona bem mais do que confirmar expectativas."

terça-feira, 3 de agosto de 2010

desejo

"Desejo que o seu melhor sorriso, esse aí tão lindo, aconteça incontáveis vezes pelo caminho. Que cada um deles crie mais espaço em você. Que cada um deles cure um pouco mais o que ainda lhe dói. Que cada um deles cante uma luz que, mesmo que ninguém perceba, amacie um bocadinho as durezas do mundo."

cultive




"As vezes a nossa vida é assim, nós não estamos felizes porque reclamamos dos terrenos baldios que estão do nosso lado. As vezes nós colocamos a culpa da nossa infelicidade nos lugares desertos da nossa existência onde o outro jogou o seu lixo e a gente acaba se acostumando a conviver com esse lixo, quando na verdade o que a gente precisa fazer é tomar a iniciativa de limpar a nossa vida, de limpar aquilo que está do nosso lado para que a gente possa voltar a continuar o dom de ser feliz. Se a gente se acostuma a conviver com o lixo, daqui a pouco a gente já se identifica com ele e a gente não sabe mais viver fora do lixo. Vida espiritual é assim também, se a gente não se cuida, a gente corre o risco de ter uma vida extremamente desagradável e nós vamos vivendo de sentimentos mesquinhos porque a gente se acostumou com eles. Quem sabe hoje Deus está segurando na sua mão para lhe ajudar a olhar os terrenos baldios da sua vida para que você possa transformá-los em jardins."

sinceridade

"(...) e amigo é isso, aquele que a presença conforta sem precisar de muito gesto ou dramatização."

possibilidade

"A outra mão dele, a livre, está ao alcance dela. Ela sabe e não a toma. Tem exatamente o que precisa: Pode ter."

sem boas maneiras

"Quero o circo todo a que tenho direito: sedução, fantasia, tempo. Quero um romance longo, quero intimidade. Fazer cena de ciúme, terminar, voltar, amar, brigar de novo, telefonar, pedir desculpas, retornar. Amantes bem comportados são um tédio."

diferentes



"Temos um problema geográfico. Você quer abraçar o mundo e eu ficaria contente em abraçar você."

descrente



"Compre meu coração, compre minha alma. Recuse minha incapacidade de me achar amada e me ame."

perdida

"Se alguém me achar, me devolva."
(Desconhecido)